LEMÚRIA – A Terra de Mú – 40.000 a.C.


O ser humano progrediu nas terras lemurianas, para onde haviam se dirigido as populações de hominídeos, permanecendo por milhares de anos, povoando lugares, mudando-se, sempre em busca de novas fontes de comida e territórios virgens.

Com eles ia a pedra violeta, passada de uma geração a outra.

À medida que os milênios passavam, seus descendentes desbravaram os novos territórios, aprendendo a construir abrigos, criando meios de se comunicar, desenvolvendo ferramentas e armas.

Os humanos evoluíram de coletores para predadores. O pensamento nasceu, e com ele, a magia.

Foi, então, que eu nasci.

Eu sabia que meu nome era Tii, pois esse era o som com o qual meus companheiros me chamavam.

– Tii, Tii, Tii!

Naquela época, os nomes nada mais eram que artifícios de comunicação – um meio de capacitar os membros da tribo a falar um para o outro.

comprando o livro:

https://lilimachadotii.wordpress.com/onde-comprar/

Anúncios

Um pensamento sobre “LEMÚRIA – A Terra de Mú – 40.000 a.C.

  1. nossa muito bom mesmo eu vol até begar para fazer um trabalho e quem escreveu e muito bom escritor e eu um dia quero fazer um texto como esse

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s